Auditoria de Gestão: O que é e porque importa

Auditoria de Gestão: O que é e porque importa

Como uma técnica relativamente recente, a auditoria de gestão pode ser compreendida como que, uma extensão da auditoria operacional.
Podemos dizer que o principal objetivo da auditoria de gestão é compreender se existe uma alocação económica dos recursos à disposição do gestor. É o verificar se estes estão a ser aplicados de forma eficaz e eficiente.

Técnicas de Auditoria

Várias técnicas de auditoria de gestão são aplicadas, cobrindo diversos métodos de avaliação, políticas, tarefas e procedimentos, sendo estes construídos de forma a avaliar, analisar e rever o desempenho da empresa comparativamente a uma lista de standards previamente determinados.

O desempenho dos gestores e rentabilidade das empresas é assim medido e avaliado pelo auditor, concluindo com uma avaliação que irá indicar o estado atual das situações acima mencionadas, bem como as melhorias e melhores práticas que podem ser implementadas. O sistema de controlo interno e o auditor estão assim em contacto próximo.

Funções da Gestão e Programa Modelo

No livro sobre auditoria financeira, «Auditoria Financeira – Teoria e Prática» de Carlos Baptista da Costa, este afirma que as funções da gestão são, primordialmente:
“a) Fixar políticas e objetivos;
b) Estabelecer planos, normas e procedimentos para que se possam atingir as políticas e os objetivos fixados;
c) Organizar a empresa ou entidade a fim de que os planos, normas e procedimentos possam de fato operar;
d) Controlar a forma como os referidos planos, normas e procedimentos estão a atingir os seus fins.
Assim sendo, o programa modelo que o auditor deve seguir para avaliar os gestores, quer no que respeita à eficácia e à eficiência da gestão da empresa, em geral, quer quanto às suas áreas funcionais em particular, terá que forçosamente cobrir os seguintes aspetos:
a) Verificar se foram fixados objetivos e políticas;
b) Avaliar todo o processo de planeamento, o qual necessariamente inclui normas, procedimentos, mapas e prioridades;
c) Avaliar todo o processo organizacional, ou seja, avaliar se a estrutura organizacional é consistente com as políticas e objetivos globais;
d) Analisar o processo de controle, ou seja, as medidas de desempenho. Para tal, o auditor de gestão tem necessariamente que:
– Verificar se a administração identificou as áreas chave que devem ser controladas;
– Avaliar e julgar as bases usadas para desenvolver os padrões de medida;
– Rever os parâmetros para identificar a performance e os resultados. (…)”

Concluindo

A auditoria de gestão é assim um serviço do qual os gestores poderão beneficiar para terem acesso a insights externos e poderem, da melhor forma, proceder com as suas tarefas organizacionais, compreendendo assim, aspetos e formas de melhoria, bem como o caminho para a implementação de soluções que levem a esta melhoria.

É um apoio fundamental ao dia a dia das empresas, garantindo assim que estas consigam um melhor funcionamento.

 

Serviço de Auditoria LXgest